SEJAM BEM-VINDOS!

Este é um blog educativo. Minha intenção é postar meus projetos de literatura infantil, em verso e prosa, para ajudar pais e professores na educação de nossas crianças.



Todos os textos aqui publicados são de minha autoria e estão devidamente registrados no EDA da Biblioteca Nacional.



RESPEITEM OS DIREITOS AUTORAIS!



Já possuo dois livros publicados: o primeiro com o Patrocínio da Prefeitura de Juiz de Fora, intitulado "Os Sonhos da Favela",
é um paradidático pré-adolescente que aborda temas como violência, drogas, gravidez adolescente, oportunidades e decisões.e o segundo pela Editora Uirapuru, intitulado "As cores do Meu Brasil" é um livro infantil que conta a história da diversidade do nosso Brasil dando ênfase à cultura Afro-brasileira.

Saudações literárias.


Vera Ribeiro Guedes.





OS SONHOS DA FAVELA

OS SONHOS DA FAVELA
TRABALHO REALIZADO PELOS ALUNOS DA ESCOLA MUNICIPAL HENRIQUE JOSÉ DE SOUZA - JUIZ DE FORA - MG

AS CORES DO MEU BRASIL

AS CORES DO MEU BRASIL
Livro infantil de cultura afro-brasileira

quinta-feira, 30 de agosto de 2012

É A CARA DO PEDRO!


Esse é o Pedro!
Menino negro,
Lindos olhos,
Cabelos crespos.

Orgulho de seus pais,
Também de seus avós
E, de seus bisavós;
Que chegaram ao Brasil,
Há algum tempo atrás.

Vieram de um lugar distante,
Mas, não eram viajantes.
Foram escravizados;
Seu povo foi maltratado.

Pedro é descendente,
Deste povo trabalhador.
Tem orgulho de sua gente,
Hoje é um vencedor.

Guerreiro e estudioso,
Da turma o mais querido,
Pois, é amigo de todos,
Das meninas, o preferido.

Hoje Pedro não veio à escola;
O que será que aconteceu?
Deve ter “matado aula”,
Ou será que adoeceu?

A sala está esquisita,
Com a ausência do amigo.
Sua carteira está vazia,
Falta o seu sorriso.

Depois da aula, o tumulto.
Todos vão à casa de Pedro;
Que chegou faz um minuto,
Lá do sítio do Alfredo.

- “Calma turma!” – disse ele.
Com seu alvo sorriso.
- “Estou bem! Só faltei a aula
para ajudar o meu amigo.”

“Que alívio!” – Suspirou a turma.
É bem a cara do Pedro.
Socorrer quem necessita,
Ajudar a quem precisa.

Um comentário: